Fachadas de casas simples com garagem

As fachadas de casas simples com garagem também podem ser charmosas e convidativas. O conceito de simplicidade arquitetônica nunca esteve tão em alta no mundo todo. Os projetos estão cada vez mais focados na simplicidade dos elementos que compõem sua arquitetura, e seus modelos mais modernos se revelam verdadeiras obras de arte abstratas. Conheça algumas fachadas de casas simples e inspire-se para criar o seu próprio projeto.

Estilos de fachadas de casas simples

Todo projeto se inicia a partir da definição de um estilo. Misturar estilos pode ser complicado e arriscado, então opte por apenas um deles. Observe alguns estilos de fachadas de casas e escolha aquele que mais combina com você.

Fachada contemporânea: Uma fachada contemporânea é baseada nas tendências que surgiram a partir da metade do século XX. Suas linhas arquitetônicas costumam ser retas e lisas, disponibilizadas em formatos angulares. O vidro pode ser um componente importante, ostentado por janelas largas e visualmente elegantes. As varandas podem ser amparadas por colunas em metal ou concreto em formas arredondadas, e algumas fachadas de dois pavimentos aproveitam esse espaço para adaptar uma garagem no andar de baixo. Esse estilo geralmente pede uma fachada com telhado embutido, que dá a impressão de que não há nenhum telhado. Alguns exemplos de  fachadas contemporâneas você poderá encontrar nos projetos de Marco Kogan, Paulo Mendes da Rocha e Isay Weinfeld.

Fachada moderna: As fachadas de casas modernas seguem uma linha contemporânea, a principal diferença entre os dois estilos é muito sutil, e se baseia na composição dos materiais utilizados nos projetos modernos atuais. Em um projeto arquitetônico moderno os componentes utilizados são:

  • Texturização:
  • Madeira reaproveitada;
  • Aço liso ou escovado;
  • Materiais vazados.

Num projeto de fachada moderna, a simplicidade conta muitos pontos, principalmente em tempos de consciência sustentável. A garagem geralmente ocupa a frente ou uma pequena área lateral da casa, e pode ser  coberta por acrílico, em tom transparente ou escuro.

Fachada colonial: A arquitetura colonial é baseada no estilo das casas que datam da época da descoberta do Brasil pelos portugueses, no ano de 1500. Sua estrutura arquitetônica é constituída por imponentes e glamorosos telhados de barro, janelas arredondas e muita madeira. A garagem das casas com esse estilo costumam ficar em espaços próprios, ambientes criados especificamente para guardar o carro, e geralmente ocupam a lateral da casa.

Fachada clássica: As fachadas clássicas são inspiradas nos modelos arquitetônicos da Grécia e Roma antiga. Esse modelo é composto por características tais como, proporção, frisos, colunas exuberantes e detalhes ornamentais nas grades da varanda e portões. A garagem que compõe esse estilo de fachada, geralmente se localiza na sua lateral. Acima da garagem é possível manter um cômodo com varanda ou terraço. A entrada das casas com estilo clássico geralmente possuem passeio para uma ou duas pessoas. Esses passeios ou caminhos são adornados por belos e suntuosos jardins ou gramados.

Para ver mais sobre decoração: https://madric.com.br/

Escolha o estilo que mais se assemelha com a sua personalidade e inicie agora mesmo o seu projeto.

Porto Seguro: O que é a Porto Seguro? Conheça!

A Porto Seguro é uma das maiores empresas do país, que atua com diversos produtos e serviços relacionados à segurança e a finanças. Há planos de seguro e produtos financeiros para as mais variadas situações.

A empresa está há décadas no mercado, com uma gama de produtos diferenciada. Certamente um dos seus produtos ou serviços se adequarão às suas necessidades.

Porto Seguro

Seguros para veículos da Porto Seguro

 

A empresa oferece mais de 20 opções de produtos e serviços de seguros e financeiros. Uma das especialidades da Porto Seguro, são os seguros para veículos, por exemplo. As opções se seguros para automotores são:

 

  • Seguro para automóveis;
  • Seguro para motos;
  • Seguro para caminhões;
  • Seguro para táxis.

 

As Coberturas Básicas para esses seguros são:

  • Total- Parcial: indeniza integral ou parcialmente danos ocasionados por incêndios, colisões, alagamentos, roubo ou furto;
  • Danos a Terceiros: oferece cobertura de danos materiais de veículos de terceiros. Também cobre danos físicos de terceiros, devido a acidentes de trânsito;
  • Acidentes Pessoais de Passageiros: cobre eventuais danos físicos de passageiros, devido a acidentes com o auto segurado pela empresa;
  • Carro extra: disponibiliza ao segurado, por até 30 dias, um veículo extra, caso o bem segurado não esteja em condições de ser usado, como em caso de sinistros;
  • Proteção a vidros: troca ou repara vidros danificados, lanternas, faróis e retrovisores;
  • Incêndio, Roubo e Furto: oferece reembolso de despesas com o conserto do auto segurado, no caso de danos causados por incêndio, roubo ou furto – até o limite determinado na apólice.

O cliente ainda pode contratar Coberturas Adicionais para o seu seguro auto da Porto Seguro, como:

  • Isenção de Franquia no Primeiro Sinistro (seguro da franquia): oferece indenização integral da franquia no primeiro sinistro sofrido pelo auto, desde que os prejuízos não ultrapassem os valores previstos no contrato;
  • Reembolso de despesas extraordinárias: indeniza integralmente despesas referente a danos por sinistros – até limite da apólice;
  • Higienização em casos de alagamento: oferece serviço de higienização total do veículo, em empresas conveniadas, em casos de alagamento, enchentes ou inundações;
  • Lucros Cessantes por Paralisação do Veículo: cobre as diárias em caso de acidentes onde o veículo seja usado para trabalho e esteja impossibilitado de utilização;
  • Carro Extra Porte Médio: cobre a locação de um veículo de porte médio, por 30 dias, para ser usado no caso de sinistros com o veículo por perda total ou parcial;
  • Carta Verde: cobre o valor do seguro obrigatório de veículos segurados pela empresa em estadia em outros países, como do Mercosul por exemplo.

Outros produtos e serviços da Seguradora

Além dos planos de seguros para veículos, a Porto Seguro ainda oferece:

  • Financiamento de Veículos;
  • Consórcio de Veículos;
  • Seguro para condomínios;
  • Seguro fiança para locação de imóveis;
  • Alarmes e monitoramento;
  • Seguro residencial;
  • Título de Capitalização para Aluguel;
  • Consórcio de Imóveis;
  • Cartão de Crédito;
  • Crédito Pessoal;
  • Seguro para manutenções e reparos residenciais;
  • Investimentos;
  • Seguro de Vida;
  • Planos de Previdência Privado;
  • Seguro viagem;
  • Seguro para aparelhos de telefone móveis;
  • Seguro para equipamentos pequenos;
  • Seguro para empresas de Eventos;
  • Seguro para empresas de Agronegócios;
  • Seguro para Frotas;
  • Seguro Fiança Comercial;
  • Seguro para Máquinas e Equipamentos;
  • Seguro Imobiliária;
  • Seguro para Terceiros;
  • Seguro para Obras Civis;
  • Seguro de Vida para Colaboradores;
  • Saúde Ocupacional;
  • Seguro Negócios em geral;
  • Seguro Saúde;
  • Seguro Odontológico;
  • Previdência Empresarial;
  • Seguro para Cargas;
  • Rastreadores de Frotas;
  • Crédito Consignado para empresas;
  • Alarmes e Monitoramento para empresa;
  • Empréstimo de Capital de Giro.

Como contratar um serviço ou produto?

Interessou-se por um dos serviços ou produtos da Porto Seguro? Basta acessar o site da empresa e procurar por um corretor autorizado solicitando uma cotação!

Como Saber se Estou Regular com a Justiça Eleitoral?

Muitas pessoas em determinado momento de suas vidas civis vão querer saber se estão com situação regular com a justiça eleitoral.

Seja por que vai se apresentar a um emprego, nomeação a cargo público ou outro.

Neste momento bate aquela dúvida, e agora, como fico sabendo minha situação eleitoral?

Leia este artigo e saiba como proceder nestes casos.

Será que estou regular com a justiça eleitoral?

O procedimento para verificar sua situação eleitoral é extremamente simples, e pela internet mesmo você consegue verificar todas as informações necessárias.

Primeiramente você vai precisar saber qual o seu número do título de eleitor. Se você não sabe, poderá consultar aqui para saber.

Assim, você deverá acessar o site do Tribunal Superior Eleitoral.

A consulta à sua situação eleitoral pode ser realizada pelo nome ou pelo título de eleitor.

Com isso, você saberá se sua situação está regular, cancelado ou suspenso.

Sobre minha situação eleitoral

Como falamos acima, dependendo da sua pesquisa junto ao site do TSE, o resultado pode ser para uma situação regular, cancelado ou suspenso.

Vamos falar sobre cada um?

Situação regular

Se sua situação estiver regular, o seu título está válido, mas pode haver alguma pendência junto à justiça eleitoral, como multa ou outro.

Para que o eleitor constate com exatidão sua situação, deverá emitir uma Certidão de Quitação Eleitoral.

Por aqui você consegue realizar este procedimento:

http://www.tse.jus.br/eleitor/certidoes/certidao-de-quitacao-eleitoral

Situação cancelado

Se a sua situação eleitoral apontar como cancelada, significa que o seu título de eleitor não está mais válido.

Tal fato se deu, ou pela ausência de votação, ou pela ausência de justificativa de ausência das últimas três eleições.

 Situação suspenso

Já se a sua situação estiver com resultado suspenso, talvez você se enquadre em um dos seguintes quadros:

  • Cumprimento de serviço militar obrigatório
  • Condenação criminal com sentença transitada em julgado
  • Condenação por improbidade administrativa
  • Incapacidade civil absoluta

Nestes casos, a pessoa não poderá votar enquanto durar os efeitos de cada um destes atos.

Para que haja a devida regularização, o eleitor deverá fazer um requerimento ao Juízo Eleitoral da sua inscrição, informando e comprovando o fim destas situações.

Se o eleitor estava cumprindo o serviço militar, deverá encaminhar a Certidão de Cumprimento.

Se incapaz, documento que comprove a sua capacidade civil.

Se condenado, documento que comprove a extinção da pena.

Se eu não votar o que pode acontecer?

Sua situação com a justiça eleitoral está regular quando você demonstra que votou em todas as últimas eleições.

E se não compareceu em alguma, justificou sua ausência de forma correta.

Caso você não tenha feito nem um, nem outro, ou seja, nem votou, nem justificou, além de multa fica impedido de diversos atos na vida civil.

Dentre eles, destacamos a impossibilidade de:

  • Se inscrever em concurso público
  • Ser empossado em cargo público
  • Obter a carteira de identidade ou passaporte
  • Efetuar a renovação de matricula em estabelecimento de ensino
  • Obter empréstimo em bancos
  • Participar de concorrência pública ou administrativa

Assim, recomenda-se que o eleitor não deixe de votar, pois é muito importante para que possa desempenhar sua cidadania.

Além de não ter dores de cabeça, ao ficar impossibilidade de desempenhar atos da vida civil.

Se você gostou deste artigo, confira outras dicas especiais aqui no nosso site.

Seguro dpvat consulta: Como consultar o seguro DPVAT

O Seguro DPVAT (Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre) se trata de uma taxa que deve ser paga pelos proprietários dos veículos que circulam pelo país, todos os anos. O seguro foi criado em 1974 e garante diversos benefícios ao dono do automotor e pessoas envolvidas em acidentes de trânsito, como:

  • Indenização de despesas médicas e hospitalares para todas as vítimas envolvidas em um eventual acidente de trânsito. Isso inclui motorista, passageiros e pedestres;

 

  • Indeniza as vítimas que apresentem invalidez temporária ou permanente, decorrente do acidente de trânsito;

 

  • Indeniza os herdeiros de vítimas que venham a falecer em decorrência do acidente de trânsito.

seguro DPVAT consulta

Como realizar o seguro DPVAT consulta?

 

Por meio do site da Seguradora Líder – empresa responsável pela gestão do seguro DPVAT consulta – é possível saber se você pagou a taxa referente a diversos anos, além da próxima a ser paga. Para fazer essa pesquisa, siga alguns passos simples:

 

  • Você verificará 3 formas diferentes para fazer a consulta do DPVAT: por placa, por RENAVAM ou por chassi,

 

  • Escolha o tipo de pesquisa que você preferir. Vamos supor que você escolha realizar a pesquisa do seguro DPVAT consulta por placa,

 

  • Preencha, então, o campo referente à placa do seu veículo,

 

  • Depois, escolha o estado em que seu veículo é licenciado,

 

  • Em seguida, você terá a opção de pesquisar as informações sobre o seguro DPVAT consulta referente a diversos anos, geralmente, de até 10 anos anteriores,

 

  • Clique no ano sobre o qual você quer obter as informações,

 

  • Em seguida, haverá um código de segurança com caracteres variados. Digite esse código e clique na opção “Enviar”;

 

  • Você será levado a outra página, onde constarão os dados do veículo, a data em que o seguro DPVAT consulta foi pago e o valor dele;

 

  • Ainda há a opção de marcar todos ou mais de um ano. O sistema trará as informações referente ao veículo e ao seguro DPVAT de todos os anos selecionados na pesquisa.

 

Como pagar o seguro DPVAT em atraso?

 

Caso você não tenha pagado a taxa do seguro DPVAT consulta, é recomendado liquidar esse débito o quanto antes, para ficar com o veículo em dia.

 

O que pode acontecer se o DPVAT não for pago?

 

Pagar o seguro DPVAT é de extremamente importância, o poder público terá com isso recursos para prestar assistência a você e aos demais envolvidos em eventuais acidentes no trânsito. Como mencionado, ele deve ser pago todos os anos, independentemente se o carro tem ou não um seguro particular.

Caso o seguro não seja pago, não há punições ao proprietário do veículo. Porém, ele está sujeito à não receber as assistências previstas pelo seguro obrigatório. Já as outras vítimas do acidente de trânsito serão assistidas normalmente pelo seguro.

Aumento peniano funciona mesmo?

Recentemente, o uso de um gel colocado entre os corpos cavernosos e a pele do pênis permite um aumento de 2 a 4 centímetros de circunferência, aumentando da ponta próxima à glande até a base, onde se consegue a maior largura, permitindo um formato cônico ao pênis. Há vários nomes de produtos de gel para pênis, entre os mais conhecidos está o macho macho.

Esta característica permite um ganho também no comprimento que deixa o pênis, em flacidez, com um aspecto de pênis maior, já que impede que no estado de repouso ele se contraia contra o corpo. Permite, ainda, um tamanho próximo ao que o pênis tem em ereção, mesmo em estado de flacidez, acabando, dessa forma, com a famosa síndrome do vestiário, daqueles homens que se incomodam com o tamanho do pênis, especificamente quando em repouso.

A vantagem dessa técnica sobre as outras, é o fato de ser realizada com anestesia local em regime ambulatorial, sem necessidade de internação do paciente, permitindo que ele retorne às suas atividades rotineiras imediatamente após o procedimento realizado.

A volta à atividade sexual, nesse tipo de cirurgia, é recomendada entre 40 e 60 dias após a realização da mesma.

Indiscutivelmente, que além do aspecto estético do pênis pelo aumento em flacidez e ereção, o grande beneficiário desse tipo de cirurgia, pela distensão provocada durante a penetração, o que permite aumento do prazer sexual, é a (o) parceira (o).

Tamanho faz diferença?

Conversas de banheiro: “Puxa, acho que o dele é maior que o meu”; “Tudo bem, encolhido ele é pequeno, mas na hora H ele fica maior que o seu”; “Será que o meu é normal?” Por que o tamanho do pênis ainda é tão importante para os homens ?

Desde cedo somos ensinados a competir em tudo, e a achar que o maior é sempre o melhor. O maior carro é mais potente; o cara mais alto é o mais forte; a melhor televisão é a que tem mais polegadas; o maior sanduíche é o mais gostoso… Será que quantidade é igual a qualidade?

As estatísticas dizem que o tamanho médio do pênis do brasileiro em ereção vai de 13 a 17 centímetros. Mas calma aí, não precisa ir correndo medir o seu, afinal cada um de nós tem um pé ou nariz maior ou menor de acordo com as características físicas, pessoais ou étnicas.

Mesmo assim, um pênis grande não é garantia de prazer e nem sinônimo de virilidade. A realidade é que as mulheres nem dão importância para essa questão, como imaginam os homens. Mas você vai pensar: “puxa, mas as meninas adoram ver revistas de nus masculinos e gostam é dos grandes.” Isso não está errado, mas há uma diferença entre uma fantasia erótica e a realidade. Na hora da transa, e principalmente para chegar ao orgasmo, a garota precisa é de muito carinho e sensibilidade. O importante é que o seu corpo e o dela estejam em sintonia e equilíbrio.

O pênis não é um artigo que se vende separadamente (pelo menos não o seu); ele é apenas uma parte de você, e é a sua cabeça que comanda os seus sentimentos e desejos. Se você ficar bem consigo mesmo e com o seu corpo, pode ter certeza que o “tamanho” do prazer da sua companheira vai ser muito maior, e o seu também.

RJNET: Motivos para medir a velocidade com RJNET

O RJNET é um teste que permite ao usuário fazer a medição de quanto sinal de internet está recebendo e sua velocidade exata. O site permite que o internauta obtenha dados precisos e apresente a empresa a qual ele contratou para que ela mantenha o sinal conforme contrato.

Um grande problema, enfrentado pela maioria dos internautas, é o fato de que muitas operadoras agem de má fé e não fornecem ao usuário, a quantidade de internet que está prevista em contrato, por esse motivo é importante fazer o teste regularmente, para saber se está pagando um preço justo pelo serviço. Esse é o principal motivo para utilizar regularmente o medidor de internet RJNET.

Por que devo medir a velocidade da minha internet com frequência?

A internet faz parte de nosso dia a dia e com ela podemos fazer praticamente tudo. Desde o acesso as redes sociais pela manhã, transações bancárias e pagamento de contas, ver o trânsito para ir ao trabalho, noticiais, clima, tempo e até mesmo se entreter, tudo encontramos na rede.

Também acessamos alguns sites de entretenimento como Youtube, Netflix e Facebook necessitam de uma conexão para funcionar de forma adequada. Para assistir um filme é necessário que a internet funcione adequadamente, o Netflix, por exemplo, não carrega o aplicativo se internet estiver fraca, cada aplicativo tem sua exigência mínima de velocidade.

Imagine que você precisa fazer uma vídeo conferencia com sua empresa e a internet começa a oscilar. A qualidade deve ser mantida sempre para que tudo saia como previsto e ninguém passe vergonha ou constrangimento, antes de reunir a equipe é importante testar em um site de qualidade para ver se a rede está com a conexão adequada.

Qual a importância de checar a velocidade da minha internet?

 

Um grande erro de muitos internautas é não se preocupar com a velocidade e qualidade do sinal de internet recebidos em suas casas. A maioria dos usuários, por só usar a web para coisas simples como checar suas redes sociais, acabam nunca checando a velocidade do seu sinal.

Nessa hora é que muitas operadoras tiram vantagem de seus clientes, oferecendo um serviço muito abaixo daquilo que foi contratado. Mesmo que sua internet esteja funcionando nesse momento, pode ser que a velocidade do seu sinal esteja muito ruim, com isso o funcionamento de muitos sites e aplicativos passa a ser prejudicada.

Medidor RJNET

Que sites precisam de uma internet rápida para funcionar?

 

Basicamente todos os sites apresentam um melhor desempenho quando sua internet estiver mais rápida, entretanto alguns sites obrigatoriamente exigem uma velocidade regular para que consigam funcionar, alguns exemplos perfeitos são o Youtube e Netflix, que dependem de uma internet rápida.

Esses dois exemplos são acessados diariamente por milhões de brasileiros. Caso sua internet esteja lenta, os vídeos do youtube e vídeos do Netflix correm o risco de não carregar, travar constantemente ou ainda ter uma qualidade de imagem ruim, por isso o teste da RJNET é tão importante para que você consiga ter sempre controle sobre a qualidade e velocidade do seu sinal.

A estética genial feminina e o prazer sexual

Obter um melhor desempenho sexual, chegar ao orgasmo, sentir-se atraente, despertar a atenção do parceiro e relacionar-se melhor com as pessoas que convivem ao redor, são alguns dos motivos que levam as mulheres a procurarem tratamentos estéticos genitais.

Segundo dados da pesquisa realizada em 2004 pelo Projeto Sexualidade – ProSex da Universidade de São Paulo com 7.103 entrevistados, em 18 cidades brasileiras, com pessoas de 18 a 80 anos, apontam que os dois maiores medos da mulher são não satisfazer seu parceiro na cama (45,4%) e não ter orgasmo (32,5%). A falta de desejo afeta três vezes mais as mulheres (8,2%) que os homens (2,1%) e 16,5% das mulheres entre 26 e 40 anos sentem dores durante a relação sexual.

Para o cirurgião vascular, presidente da Sociedade Brasileira de Medicina Sexual e conselheiro consultivo da Sociedade Brasileira de Estética Médica, estética genital está intimamente ligada ao desejo, a excitação e ao orgasmo.

Com a liberação de tabus que cercavam a sexualidade feminina e o aumento da longevidade em uma sociedade que valoriza a juventude, as mulheres passaram a encarar a estética e o rejuvenescimento das áreas genitais. Isso porque pode aumentar ainda mais o estimulo sexual da mulher no atrito no momento do sexo. Mais que seguir ícones de beleza estabelecidos pela sociedade, a sexualidade humana determina novos padrões de sensualidade.

Para ver mais sobre estimulante sexual feminino, visite: https://www.artesdecura.com.br/estimulante-sexual-feminino/

Estética da mulher e prazer

excitação sexual da mulher

As últimas novidades na área da estética genital feminina são a correção aumento de glúteos e o estreitamento do canal vaginal com a utilização do polimetilmetacrilato e a redução dos lábios vulvares. De acordo com médico, a correção desses problemas é fundamental para as mulheres que têm dificuldades nessa área do relacionamento humano, pois promove a satisfação pessoal, o aumento da auto-estima, melhora da qualidade de vida e até ganho de saúde.

O procedimento consiste na injeção do polimetilmetacrilato, material inerte e definitivo, no grupo muscular desejado. São moléculas, como microesferas associadas a moléculas de água, capazes de moldar a musculatura. Diferente de outras substâncias, o polimetilmetacrilato não é absorvido pelo organismo, como ocorre com a aplicação de gordura, além de ser um procedimento bem menos agressivo.

Além de correções na região dos glúteos, o polimetilmetacrilato tem sido utilizado pela medicina estética em cirurgias reparadoras, para a correção de cicatrizes e de rugas faciais há mais de oito anos, com eficiência comprovada em todo o mundo. O Dr. Márcio também desenvolveu uma técnica pioneira de uso da substância para o estreitamento do canal vaginal. O polimetilmetacrilato produz um efeito natural e seus benefícios podem ser sentidos já nas primeiras aplicações. Além disso, o produto estimula a produção de fibroblastos e colágeno pelo organismo.

Como colocar um rastreador veicular no meu carro? Vale a pena?

O rastreador veicular é uma das peças mais importantes na prevenção aos crimes ocorridos diariamente contra os motoristas brasileiros. Com uma crescente onda de assaltos, muitos condutores buscam forma de se manterem protegidos e não sofrerem um grande prejuízo financeiro ao terem seu automóvel roubado.

Como colocar um rastreador veicular no meu carro

O rastreador veicular aparece como uma alternativa ao seguro. Essa pequena peça instalada no circuito elétrico do seu veículo, pode te fornecer a localização em tempo real e dessa forma, mesmo após um assalto, é possível recuperar o carro roubado. Além dessa função, um rastreador veicular oferece outros recursos interessantes para os motoristas.

Além da localização em tempo real do veículo, o rastreador veicular também oferece outras funções, como o histórico do trajeto percorrido pelo veículo e as velocidades atingidas por ele. Essas informações servem não só para combater alguma ação criminosa, como também controlar uma grande frota de automóveis, caso você seja dono de uma empresa e conte com muitas motos, carros ou caminhões, e queira monitorar o uso dos veículos.

Como instalar um rastreador veicular no meu carro?

Muitos motoristas compram rastreadores veiculares avulsos pela internet e procuram fazer a instalação por conta própria. Essa ação é muito perigosa e pode te dar ainda mais dor de cabeça, por isso o indicado é sempre contratar uma marca que ofereça esse serviço.

O primeiro problema em comprar uma peça avulsa é que a instalação pode não ser tão simples quanto parece. Mesmo encontrando tutoriais na internet que prometam mostrar passo a passo da instalação, qualquer movimento errado pode não só quebrar a peça, como também danificar o circuito elétrico do seu carro.

Além disso, ao comprar uma peça avulsa pela internet, você não terá todo o suporte oferecido pelas marcas especializadas na comercialização de rastreadores veiculares. Somente contratando esses serviços é que você terá benefícios como central de atendimento, aplicativo para celular com todas informações e a garantia de um serviço de qualidade, assistido.

Você nunca deve se arriscar a realizar uma instalação em seu carro por conta própria, muito menos comprar uma peça sem saber da sua procedência, isso pode causar diversos danos ao veículo que pode ter todo o circuito elétrico prejudicado. Ao procurar uma marca conhecida no mercado, a garantia de cuidados na instalação e o trabalho executado por um especialista no assunto é muito maior.

Vale a pena ter um rastreador veicular no meu carro?

Para você responder essa pergunta basta parar por um momento e realizar uma reflexão, você se sente seguro ao sair de sua casa com seu carro? Ao estacionar sua moto você consegue garantir que ela estará lá quando você voltar? Ao realizar uma entrega com seu caminhão, algum ponto da estrada te dá medo por ter fama de ser perigoso?

Essas simples questões conseguem provar o quanto vale a pena ter um rastreador veicular. Qualquer ação tomada pelos donos dos automóveis afim de oferecer maior segurança a ele próprio ou aos condutores daquele veículo é válida. O rastreador veicular é eficiente, está no mercado a dezenas de anos, além disso oferece diversas funções que vão muito além do que apenas o monitoramento. Contrate um rastreador para o seu veículo com empresas especialistas nesse segmento.

Botijão de gás 13kg – Vale a pena abrir uma distribuidora?

Em todo o mundo, o mercado consumidor de botijão de gás é de 200 milhões de toneladas por ano e tem o maior potencial de consumo nas economias emergentes. No Brasil, o gás de botijão é um dos principais componentes da matriz energética nacional, contribuindo para o crescimento sustentável do país e o desenvolvimento socioeconômico dos segmentos mais pobres da população.

Atualmente, o mercado de distribuição de cilindros de gás possui uma ampla rede de distribuição que reúne 21 distribuidores e 48 mil revendedores, troca 100 milhões de cilindros, atende 42 milhões de residências e gera 350 mil empregos diretos e indiretos. Esta rede cobre 100% do território do país e garante a entrega de 95% dos domicílios. É uma questão de capilaridade e penetração nas casas, superando os serviços de energia elétrica e água da torneira. Por exemplo, para encontrar um botijão de gás 13kg em Curitiba vai poder comprar das principais marcas presentes no Brasil, como a Liquigás.

botijão de gás 13kg preço

botijão de gás 13kg

Distribuidoras de gás de cozinha no Brasil

As grandes distribuidoras de gás, que no Brasil são pequenas, controlam o mercado desse segmento, pois a ANP – Agência Nacional do Petróleo – limita o número de botijões de gás às marcas de cada uma dessas distribuidoras. A introdução de novas grandes empresas e marcas próprias não tem lugar para instalação. A única opção é atuar como representante de um grande distribuidor já consolidado no mercado.

No entanto, há um bom lugar para o surgimento de pequenos distribuidores, desde que o empreendedor obtenha um contrato para a marca de distribuição consolidada no mercado nacional. Assim, é necessário buscar a possibilidade de abrir um distribuidor de gás de cozinha que atue com vendas diretas aos consumidores e o fornecimento de pequenos varejistas. Ou distribuição para comércios.

A variante do botijão de gás mostrou crescimento contínuo em todos os estratos sociais. Nas classes sociais de baixa renda, esse crescimento foi maior porque a população de alta renda mudou o consumo de um cilindro de 13 kg para cilindros de gás maiores que são fornecidos diretamente por grandes distribuidores.

botijão de gás 13kg preço do gás

botijão de gás 13kg preço do gás

Dicas para abrir uma revenda de botijão de gás 13kg

Em conexão com o risco interno para os negócios, recomenda-se realizar pesquisas de marketing para avaliar a demanda e a concorrência. Aqui estão algumas dicas:
• Pesquisa em fontes como prefeitura, guias, associações do IBGE e bairros, para quantificar o mercado alvo.
• Pesquisa de manuais especializados e periódicos sobre este setor. Esta é uma ferramenta fundamental para a realização de análises de concorrência, selecionando concorrentes no bairro, faixa de preço e especialidade.
• Visitar concorrentes diretos, identificando os pontos fortes e fracos das instituições que operam no mesmo nicho.
• Participação em seminários especializados.

Enfim, mercado para vender botijão de gás sempre há e como qualquer outro negócio há de se pesquisar muito o mercado, entender dos riscos, leis, regulamentações e o marketing do negócio da venda de botijão de gás.

Surgimento do Chimarrão

chimarrão, na verdade, é uma tradição da cultura do sul da América do Sul, uma herança deixada pelos índios quíchua, aymara e principalmente dos guaranis, todos habitantes das bacias dos rios Paraná e dos países Paraguai e Uruguai e que chegou até os brancos através das mãos dos colonizadores espanhóis.

A tradição de tomar chimarrão é muito antiga e traduz a cultura e a hospitalidade gaúcha.

Os índios guarani já usavam as folhas da erva-mate para preparar uma bebida estimulante. Era o chamado ka’a y (água de folha). As folhas da erva mate eram colocadas na cuia com água e o líquido era então chupado através de uma taquara, caniço ou osso, filtrado através de um trançado de fibras vegetais. Atualmente usamos uma cuia feita de porongo (cabaça) e uma bomba de metal, porém em seus primórdios o chimarrão era consumido através de um canudo de taquara, chamado taquapy.

surgimento mate

 

 

Os colonizadores observaram que os índios eram viciados nessa bebida e logo os jesuítas proibiram o seu consumo, atribuindo ao chimarrão poder afrodisíaco e o classificando como bebida do diabo. Não demorou e os espanhóis provaram da bebida e ficaram encantados e logo começaram a cultivar a erva-mate, produzindo em grande escala para a distribuição entre as colônias. Gerou muita riqueza nesse período. Os jesuítas, que eram contra o consumo inicialmente, se distinguiram entre os produtores por produzirem erva-mate com qualidade superior aos demais produtores. Tornaram-se até mesmo grandes incentivadores da bebida entre os índios para que os mesmos não fossem envolvidos pelo alcoolismo.

Comprovado cientificamente que o chimarrão tem propriedades medicinais e por isso seu uso é difundido até os dias atuais.

A erva-mate é uma árvore nativa e é também um dos símbolos ecológicos do Rio Grande do Sul, seu nome científico é llexpararaguariensis. A erva-mate passa por vários processos antes de chegar ao chimarrão.

A primeira aparição classificatória da erva-mate foi em 1820, nas proximidades de onde hoje é a cidade de Curitiba.

Em 1853 já se registrava a sua importância histórica e folclórica como símbolo do Rio Grande do Sul através de Roberto Ave-Lallemant, onde ele dizia: ”O símbolo da paz, da concórdia, do completo entendimento – o mate! Todos os presentes tomaram o mate. Não se creia  que cada um tivesse sua bomba e sua cuia própria; nada disso! Assim perderia o mate toda a sua mística significação. Não há nisto, nenhuma pretensão de precedência, nenhum senhor e criado; é uma espécie de serviço divino, uma piedosa obra cristã, um comunismo moral, uma fraternidade verdadeiramente nobre, espiritualizada! Todos os homens se tornam irmãos, todos tomam o chimarrão em comum!” (Viagem pelo Sul do Brasil, 1.º, 191. Rio de Janeiro).

 

E de onde veio o nome?

O nome chimarrão vem do espanhol: cimarrónque significa chucro, bruto, bárbaro, este vocábulo é empregado em toda a América Latina, designando os animais domesticados que se tornaram selvagens.

Os colonizadores espanhóis começaram a chamar o chimarrão desta forma porque era a bebida rude e amarga dos índios nativos.